Publicidade

Comércio deve reabrir as portas a partir de segunda-feira (25) em Parauapebas

Foto registrada em dezembro de 2019 mostra o grande movimento na Rua do Comércio, no Bairro Rio Verde

Após recebimento de carta conjunta emitida pela Associação Comercial, Industrial e Serviços de Parauapebas (Acip), Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e Sindicato das Empresas de Alimentação e Hospitalidade de Parauapebas (Seahpar), que considera as ações em parceria com o governo municipal para combater e prevenir a população pandemia do novo Coronavírus, como a criação de campanhas de educação e conscientização, a doação de máscaras e álcool em gel, tanto para profissionais de saúde, quanto para população, material para sanitização de espaços públicos; e apresentação de propostas para o retorno gradativo da atividade comercial na cidade, visando à manutenção dos negócios empresariais, neste momento de recessão econômica decorrente da pandemia da corona vírus, o prefeito de Parauapebas, Darci Lermen, gravou vídeo e postou em suas redes sociais dando por certo que a partir de segunda-feira (25) o comércio em Parauapebas estará aberto.

“Avisem seus clientes, prepare a higienização dos estabelecimentos, porque o comércio de Parauapebas vai voltar a partir desta segunda, dia 25”, propõe o prefeito, dando também garantias de que a partir de sexta-feira, dia 29, será a vez dos bares e restaurantes também voltarem às suas atividades normais.


Darci justifica que várias regras sanitárias serão adotadas para conter o contágio do vírus e que está discutindo com as entidades representativas de diversos segmentos para encontrar medidas corretas para trabalhar sem propagar a Covid-19. Ele cita também as ações realizadas pelo governo municipal em parceria com o estadual e a mineradora Vale que trabalharam para garantir, leitos, medicamentos, hospital de campanha, testagem e desinfecção das ruas e equipamentos indispensáveis para o combate à Covid-19.

O prefeito relatou ainda o comprometimento dos comerciantes em estabelecer o protocolo preconizado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), para que a partir de segunda-feira, 25, seja construída a reabertura do comércio de forma lenta e gradual. “Isso é importante, principalmente, para que a gente possa manter a economia funcionando, o que deve promover a retomada de contratações”, prioriza Darci, frisando que para isso acontecer é preciso que a prefeitura faça uma parte e os comerciantes e a população a outra.

 

Darci lembra ainda que todas as medidas que foram tomadas, algumas duras, até tinham estes objetivos, salvar vidas e reabrir a economia o quanto antes de maneira segura. O prefeito diz saber a importância do comércio local para a geração de empregos, geração de renda e grandeza para Parauapebas; por isso várias iniciativas de ajuda financeira foram tomadas.

Compartilhe essa notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Tags

Veja também

Fechar Menu