Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Docenorte passa pelo Rio Branco e assume liderança da chave B

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A partida aconteceu na noite de sábado (27), ás 18 horas no estádio Rosenão. Mesmo com a ameaça de chuva o público compareceu ao estádio para prestigiar o clássico local.

O primeiro tempo da partida foi marcado pelo equilíbrio entre Docenorte e Rio Branco. O Docenorte transava bem as jogadas nomeio campo, com Emerson Belém, Emerso Lima e Baroninho, no ataque que levava algum perigo era o atacante Uai. Já pelo Rio Branco, os jogadores que se destacavam na ligação em ter o meio e o ataca eram, Nego e Vagner, e pela lateral direita Paulo Isidoro levava perigo. O Rio Branco abriu o placar aos 20 minutos do primeiro tempo com Vagner, em boa trama de ataque. O Docenorte empatou e minutos depois, em cobrança de pênalti, convertida pelo volante Emerson Pará.


No segundo tempo, o equilíbrio foi mantido dentro de campo, as duas equipes se revezavam no ataque, que contou com a boa atuação de suas respectivas defesas. O atacante Uai, se machucou, no seu lugar entrou Gil Pará que saiu do banco para marcar o gol da virada do Docenorte aos 20 minutos. O Rio Branco sentiu o impacto da virada e não conseguiu se encontrar no jogo. O Docenorte aproveitou e fechou o marcado em 3 a 1, com gol de Cládio, aos 39 minutos da etapa derradeira.

Rio Verde 3x 3 União: Partida muito disputada, Vieira e Coca livraram o União da derrota

Na segunda partida pela abertura da terceira rodada, Rio Verde e União, empataram pelo placar de 3 a 3, em confronto muito disputado. Um dos destaques do jogo foi o atacante Vieira, do União que marcou dois gols e chegou a oito, se isolando ainda mais na artilharia do campeonato. Pelo lado do Rio Branco, o meio campista Humberto, marcou gol e deu várias assistências, outro que jogou bem foi o volante Codó.

A partida aconteceu na noite do último domingo (2), ás 18 horas, no estádio Rosenão. O resultado não foi bom para as duas equipes, isso porque o empate classificou automaticamente o Águia Azul que está com 9 pontos e resta apenas uma vaga para fase semifinal na chave (A).

Quando o árbitro apitou o início da partida, o União começou arrasador, logo a 1 minuto e 50 segundos, o atacante Vieira abriu o marcador, dando indícios que o União iria golear, mas o Rio Branco não se intimidou com o gol sofrido, manteve a sua postura dentro de campo. O empate veio aos 18 minutos ainda do primeiro tempo, através do atacante Fininho. O meia Humberto virou o jogo para o Rio Branco 2 a 1, aos 34 minutos.

No segundo tempo, foi ainda mais disputado. Os dois técnicos, Dinho Vieira do União e Baiano do Rio Verde, fizeram algumas alterações nas suas equipes, que deram mais ritmo ao jogo. O lateral direito Odair José, acertou um pombo sem asa, aos 12 minutos, fazendo 3 a 1 para o Rio Verde. Atrás no placar o União começou então a correr atrás do prejuízo e conseguiu arrancar o empate. Vieira, aos 18 minutos e Coca, com chute de fora da área, aos 38 minutos. Final de partida Rio Verde 3, União também 3.

Na próxima rodada (4ª), o Rio Branco joga contra o Dallas, dia 18 de maio, já o time do União vai encarar o Águia Azul, dia 1º de junho, jogo que vale a disputa do primeiro lugar na chave (A).

Reportagem: Carlos Campos

Publicidade

Veja
Também