Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Moradores do Cidade Jardim realizarão manifestação na quinta-feira (25)

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A população do bairro Cidade Jardim, em Parauapebas, está preparando uma manifestação contra a loteadora Buriti Empreendimentos Imobiliários. Um ato que ocorrerá no dia 25, quinta-feira, com concentração na Praça Mahatma Gandhi e carreata até o Ministério Público, ambos no bairro Cidade Nova, a partir das 8h00

De acordo com os organizadores do movimento, haverá ônibus e vans saído as 7h00, passando pelas avenidas dos Buritis e Dos Ipês, no Cidade Jardim. Por sugestão da organização do ato, todos os participantes devem se vestir de preto simbolizando luto, pois segundo eles, “o sonho da casa própria morreu”.


Ainda segundo os organizadores, o movimento contra a Buriti tem o intuito de mover ação coletiva contra a loteadora. Nas reuniões, populares discutem pautas referentes ao caso: redução de parcelas, revisão de contratos voltando o valor ao inicial da primeira parcela. Propostas que, segundo os manifestantes, caso a loteadora não aceite, entrarão com ação coletiva na justiça.

Outra denúncia é que na 5ª etapa do empreendimento imobiliário, não existe os serviços básicos que a loteadora prometera fazer; e citam: rede de esgotos, água tratada e asfalto de qualidade.

Buriti apresenta sua versão

Em nota, a loteadora esclarece que executa todas as obras de infraestrutura e saneamento básico de acordo com os Decretos de Aprovação e contratos firmados com seus clientes, seguindo a legislação vigente. A empresa reforça ainda que o fornecimento e a manutenção dos serviços públicos são de responsabilidade do município e das concessionárias autorizadas.

Quanto aos juros, a Buriti garante que sempre cobrou taxas de juros compensatórios abaixo das taxas médias do sistema financeiro, do mercado imobiliário e de acordo com legislação brasileira (limite de 12% ao ano mais correção monetária). Atualmente, a empresa pratica juros máximos de 6,9% ao ano mais correção monetária (IGPM/FGV).

A empresa também informa que mantém uma grande campanha, com o objetivo de dar oportunidade aos seus clientes de renegociar os débitos em atraso, tentando assim evitar desgastes e a rescisão contratual.

Por fim, a Buriti reitera que continua à disposição dos interessados em renegociar suas dívidas na Av. U, quadra 441, LTS 01/03 e 54/56, Bairro Cidade Jardim, em horário comercial, ou pelo e-mail [email protected].

Reportagem: Francesco Costa | Da redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também