Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Parauapebas terá “Hora do Mamaço”, dia 08 de agosto na Praça Mahatma Gandhi

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Em Parauapebas, o movimento é organizado pelo grupo “Grupo ALMA – ALeitamento Materno com Amor”. A iniciativa surgiu a partir de uma idealização feita pela comunidade Aleitamento Materno Solidário – AMS Brasil.

Essa é a primeira edição que o evento é realizado em Parauapebas. No ano passado apenas as cidades de Altamira e Belém tiveram representantes na “Hora do Mamaço” no estado do Pará.
A Hora do Mamaço é um evento internacional que acontecerá ao mesmo tempo em vários países onde mães e demais membros da sociedade se organizarão para juntos incentivarem, apoiarem e/ou amamentarem seus bebês, como forma de conscientizar a população de forma positiva e sem agressões, sem ameaças e sem discriminações, para a importância do aleitamento materno exclusivo até os 6 meses, em qualquer hora e lugar.
Este ano, o tema definido pela WABA (Aliança Mundial de Ação pró-Amamentação) para a SMAM (Semana Mundial de Aleitamento Materno) é “Mulher Trabalhadora que amamenta: vamos tornar possível!”, onde as cidades participantes realizarão PASSEATAS em locais estratégicos com faixas e cartazes, em prol uma licença maternidade e paternidade mais dignas como uma de nossas bandeiras de campanha para 2015, e o incentivo para que a prática da amamentação em Parauapebas, no Brasil e no mundo seja valorizada e apoiada.


Página da organização Hora do Mamaço em Parauapebas:
https://www.facebook.com/grupoalma.pa

Parcerias
A “I Hora do Mamaço em Parauapebas”, contará com a organização do Grupo ALMA, mas com o apoio da Associação de moradores do bairro Apoena, e de outos grupos, associações e entidades que abraçaram a causa, além de renomadas empresas locais e brasileiras como Lansinoh, D’epil, Spaço Fisio, D&R Consultoria Interdisciplinar e Ramos Publicidade. No dia 08, uma equipe de profissionais que também compõem o ALMA nas orientações sobre a importância do aleitamento e contribuem para o empoderamento materno, estarão presentes para apoiar o movimento. De acordo com a coordenadora e idealizadora do Grupo ALMA, a Fonoaudióloga e Consultora em Aleitamento Materno Rita Maia, apoiar a Hora do Mamaço significa reafirmar que o leite materno é o melhor alimento para o bebê. “Ninguém é menos mãe ou mais mãe por amamentar ou por não amamentar, mas acreditamos que qualquer mãe, qualquer mulher, qualquer pessoa podem ser multiplicadores das nossas informações”, enfatiza Rita.
O grupo defende que crianças devem ser criadas de forma consciente a fim de garantirem seu direito de amamentar, e ainda desejamos que todo o sul e sudeste do Pará possam aderir à visão, para que tenhamos mães acolhidas e apoiadas em sua decisão de maternar o tempo que for possível.

Aleitamento Exclusivo
Segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde) o Aleitamento deve ser exclusivo até o sexto mês. Toda mãe é plenamente capaz de nutrir o seu bebê, se orientada e apoiada corretamente. Segundo dados do Ministério da Saúde, a prática do aleitamento materno exclusivo até o sexto mês de vida, por si só, reduziria em até 13% a mortalidade infantil no Brasil. O índice representa 7.800 mortes a menos de crianças a cada ano.

Grupo ALMA
Assim, a partir de maio de 2015, com toda a ousadia, mas também com toda boa vontade e pureza de propósitos do mundo, propusemos a criação do nosso Grupo ALMA, a partir do desejo inicial de representarmos o movimento nacional da “Hora do Mamaço”. Esse é um compromisso público que temos almejado há algum tempo.
O Grupo ALMA – ALeitamento Materno com Amor surgiu em 03 de maio de 2015, com toda a ousadia, mas também com toda boa vontade e pureza de propósitos do mundo, através de um grupo de amigas, evoluindo após para um grupo no whatsapp que conta com mais de 70 mulheres reunidas 24h por dia discutindo temas como saúde, gestação, parto, amamentação, introdução de alimentos sólidos e criação de seus filhos na intenção de compartilhar experiências positivas e negativas. Foi então que propusemos a criação do nosso Grupo ALMA, a partir do desejo inicial de representarmos o movimento nacional da “Hora do Mamaço”. “Esse é um compromisso público que temos almejado há algum tempo” – afirma Rita. Hoje já nos tornamos um grupo físico organizado, onde promovemos reuniões, encontros e comemorações de acordo com a disponibilidade de muitos. Ainda somamos com outros indivíduos, empresas, associações e entidades, que de forma indireta, também participam e apoiam o nosso projeto.
Todos os que queiram se juntar a esse movimento e ao grupo serão aceitos e muito bem vindos.

Publicidade

Veja
Também