Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Personal trainer explica a melhor forma de fazer atividades físicas para evitar doenças cardiovasculares

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Nesta série de três reportagens, o Portal Pebinha de Açúcar tem como objetivo informar os internautas a respeito das doenças cardiovasculares ou o infarto, principal agente de mortalidade no mundo com estimativas para que até este ano, 2020 seja a causa de aproximadamente 25 milhões de óbitos com 19 milhões deles em países de baixa e média renda. O infarto, este mal silencioso, que afeta, cada vez mais, pessoas jovens.

Na primeira reportagem desta série, o cardiologista Adilson Santana falou AQUI, além das causas, as formas de prevenção para que se manter longe do susto de um infarto ou até mesmo da morte súbita em um infarto fulminante; resultante das características, heranças e cargas genéticas para se sofrer um infarto, estando entre as doenças eles a hipertensão, Acidente Vascular Cerebral (AVC), Diabetes ou obesidade mórbida.


Na segunda reportagem desta série o personal trainer, Fábio José, explicará a melhor forma de fazer atividades e exercícios físicos para evitar doenças vasculares; detalhando qual o momento ideal para se iniciar exercícios preventivos (idade ou condições); os cuidados que devem serem tomados antes de iniciar uma rotina de atividades físicas; como deve ser a rotina de exercícios físicos para se manter saudável; a importância de exercícios físicos para a prevenção de problemas cardíacos; como deve ser introduzido os exercícios físicos na rotina da pessoa já apresenta problemas cardíacos; e o que pode ser feito, Fora da academia, como atividades físicas e exercícios para manter a saúde.

Fábio José explica que o exercício físico caracteriza-se pela intensidade e intenção, sendo como, por exemplo, quando você sai para praticar algum esporte ou ir à academia. Diferente da atividade física que não é feita de forma intencional, mas, sim natural sendo, por exemplo, quando sai para levar o cachorro para passear, levar as crianças na pracinha, vai a pé ao supermercado ou ao trabalho a pé, isso são atividades físicas. “Toda atividade física é indispensável para a prevenção de doenças, entre elas, as cardiovasculares. Sendo um risco muito forte o caso de a pessoa ser sedentária o que, quase sempre, leva a obesidade”, orienta Fábio, dando como momento ideal para iniciar exercícios físicos com o objetivo de prevenir doenças cardiovasculares, sempre quando a pessoa se sentir confortável e com condições de saúde, devendo antes a pessoa fazer os recomendados exames físicos para ser atendido de forma responsável na academia.

De acordo com a orientação do personal trainer, todas as atividades físicas, bem como os exercícios, são importantes para a prevenção de doenças cardiovasculares, pois, só de a pessoa estar sedentária já é um alto risco e um forte marcador externo.

Fábio José – Personal Trainer

 

Para os que já convivem com doenças cardíacas, conforme orienta Fábio José, as restrições são inevitáveis, pois, o organismo já não está mais preparado para a prática de exercícios físicos. E, para esse cliente, é preciso do parecer médico através de exames clínicos que dará as condições e necessidades de preparação para a prática dos exercícios. “Também fora da academia é preciso que a pessoa siga orientações médicas mesmo que a intenção seja apenas fazer uma caminhada para fazer algo seguro com moderação e podendo ser aumentando aos poucos de acordo com a melhora do sistema circulatório”, orienta.

Na próxima reportagem desta série – Fique sabendo que, além dos exercícios ou atividades físicas é de grande importância a alimentação para a manutenção da saúde; conforme explicará, na próxima reportagem desta série a nutricionista Laine Carrera, detalhando a respeito da idade ou estado de saúde da pessoa, como deve ser uma alimentação equilibrada buscando diversificar ao máximo possível para que tenha uma variedade de vitaminas e minerais.

Além de falar a respeito da alimentação preventiva ou quando a pessoa já apresenta problemas cardíacos ou doenças correlacionadas sendo inevitável que se faça redução de peso.

Publicidade

Veja
Também