Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Poder Judiciário comemora inauguração do Fórum Trabalhista de Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A solenidade de inauguração das novas instalações do Fórum da Comarca Trabalhista de Parauapebas marca uma nova fase do Poder Judiciário na cidade.

Com uma estrutura moderna, as quatro varas trabalhistas estão abrigadas no mesmo prédio, além da central de mandados e do setor de distribuição, assim a nova casa do Judiciário oferece mais conforto aos judiciados, advogados e juízes.


O prédio está de acordo com regras de sustentabilidade e há projetos para melhorar ainda mais com a implantação de captação de energia solar. “Parauapebas está ganhando muito com isso, além da beleza, ele reutiliza água da chuva. É um sonho de alguns anos e hoje conseguimos realizar”, destaca a juíza da 2ª Vara Criminal do Trabalho de Parauapebas, Suzana Maria Lima de Moraes Afonso Carvalho dos Santos, acrescentando que estava numa ansiedade muito grande à espera da inauguração. “Parauapebas merece uma Justiça de qualidade com maior conforto, isso contribui para que a gente possa trabalhar melhor e com mais satisfação”, enfatiza a magistrada.

Com alegria, o Desembargador Presidente do Fórum, Dr. Francisco Sérgio Silva Rocha, frisa a nova conquista. “Estamos entregando um prédio que se harmoniza com a cidade, tem uma praça, uma área verde preservada e tudo isso contribui favoravelmente para a sociedade, inclusive com troca inteligente de ar para as pessoas que frequentam o espaço”, comemora.

Andrei José da Silva Gouveia, diretor do Fórum Trabalhista e titular da 4ª Vara do Trabalho, detalhou que a idealização e projeção do novo Fórum é fruto de luta árdua e incessante da administração do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região. “Este prédio representa, não apenas o anseio de magistrados, servidores e operadores de direito, mas o anseio de todo jurisdicionado que busca solução para seus conflitos diariamente”, disse o magistrado.

O ambiente conta ainda com jardim de integração, sala de audiência, gabinetes, secretarias, salas de espera, salas de conciliação e outras instâncias.
O prédio é composto de cinco pavimentos. O valor gasto na obra supera R$ 13,9 milhões.

Reportagem: Francesco Costa – Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar
Fotos: Ozeias Cabral

Publicidade

Veja
Também