Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Polícia detém indivíduo tatuado que já tinha sido preso na capital e interior do estado

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Numa de suas ações de policiamento ostensivo nas ruas do comércio e da periferia de Parauapebas, uma guarnição do 23° Batalhão de Polícia Militar (23° BPM), na Operação “Boas Festas”, abordou e encaminhou à Polícia Civil o indivíduo Enilton Mateus Silva do Amaral, que se encontrava em atitudes suspeitas.

Enilton Mateus possui várias tatuagens espalhadas pelo corpo, tais como caveira, carpa, teia de aranha, santa, coringa e vários nomes. Perguntado se ele já havia sido preso, respondeu aos policiais que não.


Desconfiada, a guarnição consultou o Sistema de Informações Penitenciárias (Infopen) e foi constatado que Enilton Mateus havia sido preso por tráfico de drogas em Concórdia do Pará e ficou preso por um tempo na delegacia de Cremação, em Belém. Como estava sem o seu alvará, o suspeito foi conduzido até a delegacia da 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil para se explicar.

 

23° BPM – O 23° Batalhão de Polícia Militar tem sede em Parauapebas e atende aos municípios de Canaã dos Carajás, Curionópolis e Eldorado do Carajás, além de Parauapebas. O batalhão é comandado pelo tenente-coronel Wilson; subcomandante capitão Eder; supervisor de dia capitão Faustino; e fiscal de dia tenente Freitas.

Operação “Boas Festas” – A Operação “Boas Festas” tem o apoio das viaturas 2302 (sargento A.Silva e soldado Décio), 2310 (tenente Freitas e cabo Rodrigo) e 2315 (sargento Xavier e soldado Gaia) e da Rocam (cabo S.Barros e soldados Willames, Cavalcante e Farias).

A operação atua nas ruas e avenidas 14 (Bairro União), JK e Comércio (Bairro Rio Verde), Sol Poente (Rio Verde e da Paz), Bom Jardim (Guanabara e Caetanópolis), dos Ipês (Cidade Jardim) e complexo de bairros VS 10.

Publicidade

Veja
Também