Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Polícia Militar do Pará já adota novo fardamento na cor azul petróleo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Foto: Willian Salles / PMPA

A Polícia Militar passou a utilizar, nesta sexta-feira (20), em todo o território paraense, o seu novo uniforme operacional, na cor azul petróleo. A mudança faz parte do novo Regulamento de Uniformes da corporação, aprovado no fim do ano passad, e considerou, principalmente, o resultado de uma pesquisa de opinião interna sobre a cor do fardamento: 95% do efetivo da corporação escolhe a cor azul petróleo.

Logo nas primeiras horas da manhã, todas as unidades da corporação realizaram um “Paradão Matinal” para a realização da revista do novo uniforme. No quartel do Comando-Geral da PM, em Belém, o evento teve a participação do comandante-geral, coronel José Dilson Melo de Souza Júnior, dos oficiais da a alta cúpula da instituição e de toda a tropa que atua na unidade.


Durante o “Paradão”, ele destacou a importância da mudança do fardamento, sob o ponto de vista das tradições históricas da corporação. “A maioria de nós já usou o uniforme na cor azul petróleo. Nossa polícia sempre foi guerreira e cidadã e, agora, estamos resgatando esses valores”, disse o oficial.

O coronel Dilson Júnior também ressaltou o trabalho que vem sendo realizado de enfrentamento à violência e à criminalidade. “Nossas ações preventivas e ostensivas de combate ao crime já possibilitaram a redução, em todo o Estado, de 27%, no número de homicídios e 26% nos casos de roubos. Aumentamos, ainda, em 48%, o número de registros de autuações em flagrante pelo crime de tráfico de drogas. Sabemos o tamanho do nosso desafio e, neste momento de mudança e renovação, é importante lembrar que uma polícia forte se faz com uma operacionalidade forte, uma Corregedoria forte e uma administração forte e competente”, frisou.

“Estamos iniciando hoje a Semana da Polícia Militar, que terá uma extensa programação alusiva aos 201 anos da corporação. Ao longo dessa história, o maior patrimônio somos nós, policiais militares, daí a importância da valorização de nossos servidores”, acrescentou o comandante-geral.

Ele citou ainda alguns avanços conquistados nos oito meses da nova gestão da PMPA, como por exemplo, a aquisição de oito ambulâncias para atender à Região metropolitana e os comandos regionais da instituição, a compra de 3,5 mil coletes balísticos com tecnologia de ponta, além da implementação de uma nova política de moradia para os policiais militares, por meio da construção de conjuntos habitacionais e de créditos e financiamentos, via Banpará, e a ampliação do número de jornadas operacionais, o que garante a maior presença, segurança e visibilidade do efetivo nas ruas”, destacou.

Novo Regulamento de Uniformes – O estudo sobre o novo regulamento foi realizado pelo Estado-Maior Geral da instituição com o objetivo de proporcionar inovações tecnológicas e atender necessidades de padronização, identidade visual, resgate histórico da instituição bicentenária, conforto, proteção, segurança, melhores condições de trabalho à tropa e durabilidade do novo uniforme operacional da Polícia Militar”, informou.

Além de descrever todas as peças e o novo fardamento, o atual Regulamento de Uniformes da Polícia Militar (RUPM) também organiza e disciplina o uso de calçados, insígnias, distintivos, condecorações e acessórios especiais da corporação.

A mudança da cor do uniforme de instrução não implicará em nenhum custo adicional aos cofres públicos. Todos os policiais militares recebem o auxílio fardamento, previsto na Lei nº 8.435 de 22 de novembro de 2016 – cabos e soldados recebem dois auxílios por ano; subtenentes e sargentos, um a cada ano; e oficiais recebem o auxílio fardamento nas suas promoções ou a cada 4 anos de permanência no mesmo posto.

Lei de Cores – A adoção da cor azul petróleo vem ao encontro do Projeto de Lei que institui as cores oficiais da Polícia Militar do Pará. “É importante destacar que a PM adota tradicionalmente as cores da Bandeira do Pará na identificação da corporação. Com isso, a força pública é reconhecida ao longo dos anos pelas cores azul, branco e vermelho, que são as mesmas que representam e identificam o povo paraense pelo Brasil afora”, disse o coronel Dilson Júnior.

“Apresentamos a nova lei ao Governo do Estado, a fim de instituir as cores oficiais da Polícia Militar do Pará. O projeto visa valorizar a imagem da instituição e estabelecer a padronização da representação da PM, por meio do resgate das cores tradicionalmente utilizadas pela corporação, que são aquelas contidas no pavilhão estadual”, frisou o comandante-geral.

O novo fardamento será apresentado oficialmente à sociedade no dia 25 de setembro, durante a solenidade do Dia da Polícia Militar do Pará. O evento vai ocorrer no Comando-Geral da instituição, na rodovia Augusto Montenegro, em Belém, com a presença do governador do Estado, Helder Barbalho, e autoridades civis e militares.

Publicidade

Veja
Também