Polícia Militar evita mais um caso de suicídio em viaduto sobre a PA-275

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Uma guarnição da Polícia Militar, composta pelo capitão Costa, sargento Carias e soldado Amorim, evitou mais uma vez que um homem se suicidasse, jogando-se do viaduto do ramal ferroviário que passa sobre a Rodovia PA-275, em Parauapebas, sentido para Curionópolis.

A outra vez em que um homem tentou acabar com a própria vida no mesmo local ocorreu no dia 25 do mês passado, quando um rapaz de prenome Lucas foi impedido de se matar por bombeiros, policiais militares e seguranças particulares, conforme matéria publicada AQUI no Pebinha de Açúcar.


Desta vez, quem tentou se matar no viaduto por volta das 17h30 desta quinta-feira (14) foi Lucas (mesmo prenome do outro) Leandro Matias, cunhado do cabo PM Silva, que pediu ajuda do comando da Polícia Militar para salvar a vida do rapaz, que estava desparecido da cidade.

Ao chegar ao local, a guarnição encontrou Lucas Matias cabisbaixo e sentado na beira dos trilhos da ferrovia, sem apresentar sinais de agressividade. Após ser indagado pelos policiais sobre o que estava ocorrendo, ele informou que toma remédio controlado, que o motivo da depressão é a separação da esposa, que não havia mais sentido em viver e que a única solução pra acabar com o sofrimento era tirar sua própria vida.

Após longo diálogo com o homem, os policiais conseguiram fazer com que o mesmo desistisse da ação pretendida e o levaram até o município de Curionópolis, onde foi entregue para seus familiares.

No percurso para Curionópolis, de acordo com os policiais, Lucas Matias agradeceu muito pelo apoio, afirmando que se não fosse o intermédio da polícia o mesmo possivelmente teria tirado a própria vida.

veja também