Prefeitura de Parauapebas empossa 59 novos servidores públicos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Em cerimônia realizada na manhã desta sexta-feira (12), no auditório II do Centro Administrativo da Prefeitura de Parauapebas, a Secretaria Municipal de Administração (Semad) empossou 59 novos servidores públicos. Os 37 agentes de trânsito e transporte e os 22 agentes comunitários de saúde vão atuar na cidade, contribuindo para a melhoria da saúde e do trânsito do município. Além do prefeito Valmir Mariano, também compareceram à cerimônia de posse a vice-prefeita, Maria Ângela Pereira, e secretários municipais.

O evento teve início com as boas-vindas do prefeito aos servidores, desejando sucesso a todos no desempenho de suas funções: “Estejam sempre entre os melhores, porque o mundo é competitivo. A vida não tem atalhos e não existe jeitinho. Existe trabalho, ética, respeito e dedicação”, ressaltou Valmir Mariano.


Na ocasião, o diretor do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT), Rafael Silva Cristo, destacou a necessidade de todos contribuírem para um trânsito mais seguro. “Entendemos que o trânsito é uma questão social e possibilitar mobilidade para todos é um objetivo que estamos dispostos a alcançar”, declarou, informando ainda, que o salário-base dos agentes de trânsito de Parauapebas é um dos melhores do Estado do Pará.

Para o secretário municipal de Saúde, Rômulo Pereira Maia, os novos agentes de saúde vêm de encontro ao que o prefeito almeja: a descentralização do setor. “Eu espero que vocês, agentes de saúde, desempenhem suas funções com profissionalismo. Vocês vão trabalhar direto com a comunidade, dentro da casa do cidadão e, portanto, serão os olhos da Secretaria de Saúde. Por isso, façam esse serviço da melhor forma possível”, enfatizou o secretário. Os novos servidores da saúde vão passar por treinamento específico.

Para complementar os conhecimentos, os agentes de trânsito e transporte também passarão por curso técnico básico de formação exigido pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), com carga horária total de 160 horas. Após o curso, os servidores ainda passarão por um período de adaptação no DMTT e terão aulas com noções de Direito Administrativo. A previsão é que os agentes comecem a atuar nas ruas da cidade no mês de setembro.

Reportagem: Jéssica Borges / Foto: Irisvelton Silva

Publicidade

veja também