Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Prefeitura investe em mais qualidade de trabalho e bem-estar de professores da rede municipal de ensino

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Adelson Campos, professor de Língua Portuguesa da Escola Cecília Meireles, foi um dos beneficiados com a nova ferramenta de trabalho. Ele conta que apresentava constantes problemas de garganta pelo esforço vocal realizado durante as aulas. “O microfone ajuda muito na comunicação, pois, além de facilitar os professores a se expressarem, evita forçar a garganta, chama a atenção dos alunos e faz com que eles tenham melhor compreensão do conteúdo”, avalia o educador.

Antes de receber o instrumento, Adelson confessa que, apesar de todos os cuidados que tomava, seu incômodo na garganta só agravava. “Agora, não estou sentindo mais nada. “Não conheço outro município cuja rede municipal de ensino faça uso de microfone”, diz parabenizando a Prefeitura pela iniciativa.


Benefício para professores e para os alunos também. Ayanne Gabrielly Lima Santos, 12 anos, é aluna de uma das turmas de 7º ano do professor Adelson. “Com o uso do microfone pelo professor, muita coisa mudou. Ele consegue prender a atenção até dos alunos. Todos conseguem ouvir e a aula rende muito mais”, elogia Gabrielly.


Benefícios
Segundo a secretária de Educação, Juliana de Souza, a distribuição dos equipamentos é mais uma das ações do governo municipal voltadas à valorização de seus educadores e à melhoria do ensino e da aprendizagem. “São instrumentos que garantem melhores condições de trabalho. É mais uma forma de reconhecimento e valorização. Assim, beneficiamos também o aluno, que ouve melhor e, consequentemente, aprende mais”, destaca a gestora.
Segundo o fonoaudiólogo Leandro Diniz, o uso dos aparelhos em sala de aula traz benéficos à saúde vocal dos educadores. “O professor passa a usar a voz de forma natural e não precisa cometer excessos, o que contribui para maior conforto e longevidade da carreira”, afirma Leandro.

Contudo, o fonoaudiólogo alerta sobre que, mesmo com o uso do microfone, ainda são necessários alguns cuidados para manter a saúde vocal como aquecimento vocal, alimentação saudável, ingestão de bastante água, não fazer uso de bebidas alcoólicas, não fumar e realizar o repouso vocal na hora dos intervalos. “É essencial treinar o uso correto desse instrumento e desenvolver estratégias específicas para aproveitar todos os benefícios do sistema de amplificação de voz”, orienta.

Publicidade

Veja
Também