Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Representação contra prefeito Valmir Mariano deverá ser apreciada na próxima semana

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Uma representação protocolada nessa terça-feira (22) na Câmara Municipal de Parauapebas contra o prefeito Valmir Mariano deverá ser colocada em pauta na próxima sessão ordinária da Casa de Leis. O documento foi proposto pelo autônomo Raimundo Pires dos Santos, sob a alegação de que houve “cometimento de improbidade e crimes de responsabilidade” por parte do prefeito, e por isso ele pede o afastamento cautelar do gestor municipal.

A representação não foi colocada na pauta da sessão desta semana por decisão da Mesa Diretora da Câmara, que preferiu averiguar a idoneidade do proponente, antes de levá-la para apreciação em plenário.


“A Mesa precisa antes verificar quem é esta pessoa, saber se ela tem idoneidade. Porque na outra representação que foi feita, com esse mesmo propósito, fui muito criticado, pois disseram que o autor era um ‘laranja’. Quero fazer a coisa certa, e acredito que o voto dos vereadores não vai mudar em uma semana”, justificou o vereador Ivanaldo Braz (SDD), presidente da Casa de Leis.

Para que a representação seja aceita, são necessários 10 votos favoráveis, ou seja, a maioria absoluta dos parlamentares da Câmara. Sendo aprovada, o prefeito é afastado e uma comissão é instalada, composta por três vereadores, para apurar as denúncias.

Reportagem: Nayara Cristina
Foto: Felipe Borges/Coletivo 2.8/ Ascom-CMP

Publicidade

Veja
Também