Saldo da violência no período de carnaval continua sendo contabilizado com mais um homicídio

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A morte de Francisco Edson entra para a estatística de violência ocorrida no período de carnaval que, este ano, apesar da festa não ter acontecido, apresentou aumento da violência

Uma equipe policial foi até o local do fato para averiguar a materialidade e circunstâncias do fato e as investigações seguem em andamento. Lesionada na região cervical a vítima parecia não correr risco de morte, em face à tentativa de homicídio registrada na Rua G14, Quadra 129, Lote 21, Bairro Ipiranga, em Parauapebas, conforme noticiado AQUI  no Portal Pebinha de Açúcar.


Porém, sete dias depois, o estado de saúde de Francisco Edson de Oliveira Soares mudou, evoluindo a óbito na tarde do último domingo (21), no Hospital Municipal de Parauapebas.

A morte de Francisco Edson entra para a estatística de violência ocorrida no período de carnaval que, este ano, apesar da festa não ter acontecido, em virtude da pandemia de Covid-19, apresentou aumento da violência com ocorrências de tentativas de homicídios e a consumação de alguns.

Os crimes, incluindo o praticado contra Francisco Edson, estão sendo investigados pela Divisão de Homicídios da 20ª Seccional de Polícia Civil em Parauapebas.

Publicidade

veja também