Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Secretário de Saúde de Parauapebas pede demissão e desculpas por “faltas involuntariamentes”

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O médico Rômulo Pereira Maia, que até então era o Secretário Municipal de Saúde de Parauapebas, pediu demissão do cargo que ocupada desde o início do Governo Valmir Mariano (PSD), em janeiro de 2013 e não faz mais parte do staff do município.

O pedido de demissão de Rômulo Maia foi entregue nesta sexta-feira (7) ao prefeito Municipal Valmir Mariano. Na carta, o ex-secretário afirma que por motivo particular, “não mais convindo permanecer no Quadro de Servidores do Município, e venho com o devido respeito requerer a exoneração, sem prejuízo dos direitos adquiridos”.
Na carta, Rômulo Pereira pediu desculpas por suas “faltas involuntariamente cometidas no exercício das funções e requeiro para os fins de direitos, certidão de contagem de tempo”.


CPI DA SAÚDE
O que fragilizou muito a permanência de Rômulo Pereira na Secretaria Municipal de Saúde foi a instauração de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que é composta por cinco vereadores e que visa investigar supostas irregularidades na compra de contraceptivos no valor de R$ 7.6 milhões por parte da Secretaria Municipal de Saúde de Parauapebas, compra de vacinas contra HPV, entre outras denúncias que chegaram até os vereadores.

Pedido de Exoneração que foi encaminhado ao Prefeito Valmir Mariano
Pedido de Exoneração que foi encaminhado ao Prefeito Valmir Mariano

VEREADORES QUE ASSINARAM A CPI:

• Eliene Soares (PT)
• José Arenes (PT)
• Bruno Soares (PP)
• Francisco Amaral Pavão (SDD)
• Charles Borges (SDD)

VEREADORES QUE NÃO ASSINARAM A CPI

• Irmã Luzinete (PV)
• Odilon Rocha (SDD)
• Josineto Feitosa (SDD)
• Ivanaldo Braz (SDD)
• Major da Mactra (PSDB)
• Devanir Martins (SDD)
• Euzébio Rodrigues (PT)
• Miquinha da Palmares (PT)
• Irmão Maridé (PSC)
• João do Feijão (SDD)

CPI FRAGILIZADA

Ainda não é oficial, porém, informações dão conta que o Partido dos Trabalhadores estaria em uma negociação para passar a ser base aliada do governo Valmir Mariano, inclusive secretarias de governo estariam em jogo. Se a informação se confirmar, a CPI da Saúde pode ir por água a baixo, tendo em vista que dois dos cinco vereadores que assinaram favorável à CPI são do Partido dos Trabalhadores (PT).

NOVO SECRETÁRIO NÃO FOI DIVULGADO

Até o fechamento desta matéria, a Prefeitura Municipal de Parauapebas, através da Assessoria de Comunicação (ASCOM), ainda não tinha divulgado o nome da pessoa que irá assumir a Secretaria Municipal de Saúde. Quem assume interinamente a pasta é Caryne Francielle Rodrigues Neves.

Reportagem: Bariloche Silva – Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também