Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Sespa apresenta proposta de consórcio para administração do Hospital Regional de Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A diretoria da regional da Secretaria Estadual de Saúde de Marabá esteve em Canaã dos Carajás, na manhã desta terça-feira (3), para apresentar à equipe da prefeitura, vereadores, e ao Conselho Municipal de Saúde a proposta de criação de um Consórcio Interfederativo para a administração do Hospital Regional de Parauapebas, que será entregue nos próximos meses.

Segundo a proposta, a unidade deve se centrar em atendimentos de média e grande complexidade, atendendo a um grande gargalo da região. O governo do Estado assumirá a responsabilidade por 51% do financiamento, ficando os 49% restantes a cargo da União (20%) e dos municípios da região (29%). Além de Parauapebas e Canaã, a intenção é que os municípios de Eldorado dos Carajás e Curionópolis também participem da gestão. As prefeituras poderão indicar quais são as principais necessidades de atendimento e financiar esses serviços, seguindo essa proporção.


A proposta será estudada pela administração, em conjunto com a Câmara e o Conselho de Saúde. No entanto, durante a reunião, o prefeito Jeová Andrade destacou que o modelo de consórcio tem se mostrado uma saída para a falta de recursos na administração pública. “Municípios Brasil afora tem feito isso e pode ser um caminho”, disse. “Temos vontade e interesse em seguir com essa discussão”, completou Jeová.

O prefeito também lamentou o fato de que pacientes de Canaã precisam se deslocar até Marabá, ou Belém, em busca de serviços de complexidade média ou alta, como a hemodiálise, por exemplo.

Segundo o diretor regional da Sespa em Marabá, Geraldo Pereira Barroso, a criação do Hospital Regional de Parauapebas vai de encontro a uma política do governo estadual de “colocar o atendimento mais próximo do usuário”.

Também estiveram presentes ao encontro o secretário municipal de Saúde, Dinilson José dos Santos, os vereadores Dionízio Coutinho, Hélio Ferreira e João Batista, profissionais da saúde municipal e membros do Conselho Municipal de Saúde.

Publicidade

Veja
Também