Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Um dia antes de mais uma entrega, moradores do Residencial Vila Nova reclamam da rede de esgoto

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Nesta quinta-feira (1), a Prefeitura Municipal de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Habitação (Sehab), em parceria com o Governo Federal, vai entregar 195 unidades habitacionais no Residencial Vila Nova, localizado no Bairro dos Minérios, mas no local, as famílias que já estão morando há quase três meses, denunciam o entupimento da rede de esgoto do residencial.

Para o Elias Vieira, desempregado, além do pouco tempo morando no residencial, os moradores enfrentam dificuldade, pois o SAAEP (Sistema Autônomo de Água e Esgoto de Parauapebas) mesmo ciente da situação, não revolve o problema. “Já procurei duas vezes o SAAEP, vieram aqui, riram um para o outro, ficaram rindo do problema, mas não resolveram”, disse.


O morador ainda guarda os protocolos de atendimento de quando procurou o órgão. Em alguns trechos do residencial, a água proveniente da rede de esgoto se espalha pelas ruas, os moradores se queixam do mau cheiro, e da falta de manutenção.

O Residencial Vila Nova foi construído pela Caixa Econômica Federal em parceria com a Prefeitura Municipal de Parauapebas, o projeto abrange 650 casas, destas, 230 unidades foram entregues em 10 de setembro deste ano.

Desde então, a Francinete Gonçalves, de 39 anos, e a família se mudaram para o Vila Nova. Para ela também é curto o tempo para os problemas que já aparecem. “Tá difícil para nós, não só para nós, mas para todos os vizinhos”.

O projeto habitacional é direcionado a famílias que têm renda mensal de até R$ 1.600,00, diante das queixas dos moradores, nossa equipe de reportagem entrou em contato com a prefeitura municipal por e-mail, para ouvir a Secretaria Municipal de Habitação ou o SAAEP, mas até o fechamento desta reportagem, nenhuma resposta foi enviada.

Reportagem: Jéssica Diniz / Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Publicidade

Veja
Também