Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Venda de automóveis no Pará registra primeiro crescimento no ano com destaque para Parauapebas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Enquanto as vendas de veículos novos na maior parte dos estados brasileiros sofreram queda, a venda de automóveis no Pará obteve saldo positivo no mês de junho, registrando crescimento de 6,73% sobre maio. Este crescimento pode representar o início de um fortalecimento no setor, já que quando comparado com junho de 2014, o setor registrou aumento de 1,31%. É o que aponta o último balanço do Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veículos do Pará e Amapá (Sincodiv PA/AP), que contabilizou 10.900 emplacamentos de veículos, em junho, contra 10.844, em maio, crescimento de 0,52%.

No entanto, o primeiro semestre do ano não foi positivo para os concessionários. Houve queda de 11,08%, totalizando 67.402 emplacamentos contra 75.803 sobre o mesmo período do ano passado. O número inclui emplacamentos de automóveis e comerciais leves, caminhões, ônibus, motos e implementos rodoviários (carrocerias de caminhões e afins).


Para o presidente do Sincodiv, Leonardo Pontes, “o cliente está cauteloso na hora de efetuar a compra. Mesmo com a crise o setor se mantém otimista e espera fechar o ano com saldo positivo. Caso isso não ocorra, aguardamos que o resultado não seja muito negativo, chegando em pelo menos 10%”, avalia.

Em junho, os segmentos de automóveis e comerciais leves tiveram alta de 6,67%, com 4.175 emplacamentos. O setor de ônibus foi o que mais cresceu. No mês passado, o segmento apresentou crescimento de 167,74% em relação ao mês anterior. Quando somado caminhões e ônibus, o crescimento foi de 27,72%. O município de Parauapebas foi o destaque nas vendas de ônibus, representando 42,17% das vendas e Belém em segundo, com 33,73%. Leonardo Pontes explica que este crescimento, assim como ocorreu em abril, deve ser por conta de alguma grande venda, especificamente. Já no segmento das motocicletas a queda foi de 3,21%, registrando 6.272 emplacamentos.

Quando se analisa os modelos de automóveis mais vendidos, Palio, Gol e Onix lideraram as vendas no primeiro semestre. O Palio vendeu 1.295 unidades.

No país, as vendas no primeiro semestre tiveram uma queda ainda maior que no mesmo período de 2014: 20,7%. Foram 330 mil veículos a menos vendidos este ano. Em todo o Brasil, foram fechadas 492 concessionárias e abertas 250 no primeiro semestre, resultando num saldo negativo de 242 revendas a menos. Isso gerou um corte de 12 mil empregos.

Publicidade

Veja
Também