Vereador Francisco Eloecio solicita execução de obras no município

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Francisco Eloecio

Nos debates parlamentares desta terça-feira (8), o vereador Francisco Eloecio (Republicanos) apresentou duas proposições solicitando providências do Poder Executivo na infraestrutura do município.

Inicialmente, o legislador requisitou, na Indicação n° 396/2021, um sistema de drenagem e pavimentação asfáltica nas ruas Beija-Flor e Rei Davi, no Bairro Betânia.


Francisco Eloecio contou que as referidas ruas não contém nenhum perímetro que já tenha sido pavimentado de forma adequada. “Estas ruas possuem cerca de 20 anos de existência e os moradores convivem diante de diversas dificuldades em seu dia a dia. Em grande parte, as ruas estão intrafegáveis, portanto, os moradores não conseguem alocar seus veículos dentro de casa devido às condições precárias das vias”, relatou o vereador.

O parlamentar ainda destacou que os moradores relataram que já receberam várias visitas de representantes do poder público e nenhuma obra ou melhoria foi realizada no local. Francisco Eloecio ainda ressaltou que, além da pavimentação, se faz necessária a construção do sistema de drenagem, pois, deste modo, todo perímetro que será pavimentado terá mais anos de duração sem ser prejudicado pelas fortes chuvas que ocorrem no município.

Ainda na ocasião, o vereador pediu, na Indicação n° 397/2021, a construção de uma estrutura fixa para o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) em Parauapebas.

O vereador explicou que o Creas, desde sua criação na cidade de Parauapebas, desenvolve seus serviços em um local alugado, o que não condiz com o poder econômico do município.

Francisco Eloecio ainda alegou que o Creas é um serviço essencial que realiza assistência social no atendimento direto a pessoas que vivenciam situações de violação de direitos ou de violência.

Assim, a construção de uma sede própria possibilitará melhores condições aos atendimentos realizados pelo Creas. Com a estrutura fixa, serão aprimorados os setores de acolhimento, assistência, estudo social, monitoramento, orientações e avaliações dos serviços prestados.

Ante a relevância das medidas solicitadas, os vereadores aprovaram as indicações. Com a aprovação, as proposições serão encaminhadas ao Poder Executivo municipal, que deverá analisar e implementar os pedidos.

veja também