Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Vereador Rafael Ribeiro justifica voto vencido na inclusão do serviço táxi lotação

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Rafael Ribeiro – Vereador do MDB

Os vereadores Rafael Ribeiro (MDB) e Luiz Castilho (Pros) foram votos vencidos no projeto do Poder Executivo que pretendia incluir a modalidade táxi lotação nos serviços de transportes de passageiros legalizados no município de Parauapebas.

O projeto, apresentado e discutido na sessão ordinária da Câmara Municipal desta terça-feira (14), foi rejeitado por 12 votos a dois.


Em declarações prestadas à imprensa, Rafael Ribeiro justificou seu voto, afirmando que, ao votar favoravelmente à inclusão do serviço de táxi lotação em lei que regulamenta o serviço, “foi em respeito aos anseios da população. Mas, infelizmente, o projeto foi rejeitado”, lamentou. Segundo o parlamentar, ele acompanhou uma enquete, recentemente, no Portal Pebinha de Açúcar, revelando que 89 por cento da população são favoráveis ao serviço de táxi lotação.

“Agora, precisamos nos unir para debater alternativas para melhorar o setor a partir de agora. Precisamos encontrar uma saída para contemplar os trabalhadores que esperavam pela aprovação do táxi lotação. Estamos aqui para lutar pelo bem comum da coletividade. Tenho muito respeito por todas as categorias de transporte de Parauapebas. Mas precisamos fazer um amplo debate sobre o transporte público do município”, declarou Rafael Ribeiro.

Segundo ainda o parlamentar, em momentos de crise se faz necessário repensar certos modelos para a geração de renda dos trabalhadores e famílias que estão por trás da atividade de táxi lotação. “Acima de tudo, é preciso entender que o transporte público de maneira geral precisa ser rediscutido, pois é uma demanda urgente da população”.

Publicidade

Veja
Também