Confirmados
27.650
Recuperados
18.995
Óbitos
190

 Publicidade

Vereadores solicitam sessão itinerante no Complexo VS 10

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Atentos às demandas da comunidade do complexo de bairros da VS 10, os vereadores José Francisco Amaral Pavão (PSDB) e José Marcelo Alves Filgueira (PSC) solicitaram à Mesa Diretora da Câmara Municipal a realização de sessão itinerante no referido complexo.

O Requerimento nº 12/2017 pede que seja organizada a itinerância às 15 horas do dia 14 de setembro. Os moradores do Complexo VS 10 têm trazido à Casa de Leis diversas demandas atinentes à regularização territorial e infraestrutura do local. As lideranças comunitárias dos bairros que compõem o complexo se reuniram na última semana com os vereadores para apresentar reivindicações, o que culminou na sugestão de realizar uma sessão itinerante.


O objetivo da sessão é apreciar e, quando for o caso, aprovar os pedidos da comunidade, já que o parlamento é o canal onde ecoam os gritos e reclames do povo. Um dos autores do pedido, Marcelo Parcerinho, explicou que a sessão proposta será um mecanismo para proliferar a construção de políticas públicas que visem a efetivar os direitos de cidadania.

O requerimento foi aprovado com voto favorável de todos os vereadores presentes e as providências para a realização da sessão itinerante ficarão a cargo da administração da Câmara Municipal.

Sessão itinerante

A Câmara, como Casa do povo, detém, além da função de assessoramento, a prerrogativa de fiscalizar e sugerir medidas de interesse público ao Poder Executivo por meio de proposição. Visando assegurar e ampliar este entendimento, a Lei Orgânica do Município consigna em seu artigo 30, § 1º, que a Câmara se reúna em sessões ordinárias, extraordinárias e solenes, mas que mediante deliberação do plenário poderá ocorrer sessão plenária fora de sua sede.

O Regimento Interno também prevê tal possibilidade, quando determina que, havendo motivo relevante ou de força maior, a Câmara poderá, por deliberação da Mesa, mediante aprovação da maioria absoluta dos vereadores, reunir em outro edifício ou em ponto diverso no município.

Reportagem: Josiane Quintino / Revisão: Waldir Silva

Publicidade

Veja
Também