Publicidade

Assembleia de Deus em Belém celebra 104 anos de fundação

As celebrações oficiais de 104 anos de Gratidão, Comunhão e Voluntariado acontecerão de 18 a 20 de junho, no Centenário Centro de Convenções, na rodovia Augusto Montenegro, com a participação de líderes da AD de vários estados brasileiros e de países e 14 conferencistas. Mas as comemorações vão se estender até o dia 22.

Como parte da programação festiva, no sábado (06), às 13h, será realizado o Encontro de Corais no Templo Central. No dia 13/06 (sábado), às 18h, o Casamento Coletivo no Centenário Centro de Convenções, com mais de 400 casais.


Segunda (15), às 10h, será realizada uma sessão solene na Assembleia Legislativa do Pará, alusiva aos 104 anos da Igreja Mãe em Belém. Na Quinta (18/06), a Igreja comemora a data do nascimento da Assembleia de Deus com projeto de Ação Social, por meio de doação de sangue, com pontos de coletas no HEMOPA e no Centenário. Neste mesmo dia, às 09h, a Igreja receberá homenagens em sessão solene na Câmara Municipal de Belém. À noite, às 19h, acontece a celebração de abertura no Centenário Centro de Convenções. E na sexta (19), às 19h, será o Culto de Celebração, no Centenário Centro de Convenções.

No sábado (20), às 9:00h, os organizadores do evento vão realizar uma encenação especial para relembrar a chegada dos missionários suecos Daniel Berg e Gunnar Vingren, fundadores da Igreja Assembleia de Deus no Pará. A reconstituição será próximo à escadinha (Estação das Docas), no porto de Belém, onde vão recepcionar aproximadamente 50 mil pessoas vindas de navios e todas vestidas em trajes da época, do século XX. O evento será aberto a todos que queiram conhecer um pouco mais da história do surgimento da Igreja Mãe. Às 19h, será o Culto de encerramento das celebrações, no Centenário Centro de Convenções.

Domingo (21), às 19h, acontecerá Culto no Templo Central, no Centenário Centro de Convenções e também nos mais de 500 templos da Igreja em Belém.

Na segunda-feira (22), às 19h, está programado o Culto de Ação de Graças, no Centenário Centro de Convenções, onde reunirá milhares de pessoas para agradecer mais uma vez ao Senhor Deus.

A organização do evento espera um público de 100 mil pessoas durante a programação com visitantes de municípios paraenses, estados brasileiros e países. É considerada a maior e mais importante Igreja Evangélica Pentecostal do Brasil, da América Latina e do mundo. No Pará, a Igreja conta com 700 mil membros e 22 milhões no Brasil. E em todo o mundo possui 50 milhões de adeptos.

A Congregação Assembleia de Deus presta relevantes serviços de assistência social, educacional e de comunicação, como distribuição diária de cestas de alimentos aos mais necessitados, alfabetização de pessoas, ajuda à creche Cordeirinho de Deus em Belém e o programa Desafio Jovem que trabalha a recuperação de dependentes químicos, dentre outras ações.
Também é a fundadora da TV e Rádio Boas Novas e de instituição de ensino superior.

HISTÓRIA

No início do século XX, os suecos Daniel Berg e Gunnar Vingren, receberam em profecia a ordem de que tinham que pregar o evangelho num lugar chamado Pará. Ao pesquisarem num mapa, descobriram que era um local distante, localizado na Amazônia. Sem dinheiro e sem entenderem o idioma português, partiram de Nova York rumo a capital paraense. Eles desembarcaram em Belém, no dia 19 de novembro de 1910. Aqui conheceram o casal Henrique e Celina Albuquerque, que cederam sua casa para as reuniões pentecostais.

Depois de muitos encontros, finalmente, no dia 18 de junho de 1911, os dois suecos fundaram em Belém a Missão da Fé Apostólica, que sete anos depois foi registrada como Assembleia de Deus. “Eu diria que ninguém que planejasse algo tão grande escolheria uma cidade tão pequena e tão escondida da Amazônia, a não ser Deus. Isso demonstra o quanto essa cidade é amada por Ele e deve ser amada por todos nós”, ressalta o pastor da Assembleia de Deus em Belém, Samuel Câmara.

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu