Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Dirigente da Umbanda afirma não ter nenhuma ligação com o casal que matou criança

Considerada uma ‘religião brasileira por excelência’, com um sincretismo que combina o Catolicismo, a tradição dos orixás africanos e os espíritos de origem indígena, a Umbanda é uma religião, que sintetiza vários elementos das religiões africanas e cristãs, porém sem ser definida por eles. Formada no início do século XX no sudeste do Brasil a partir da síntese com movimentos religiosos como o Candomblé, o Catolicismo e o Espiritismo.

A religião surgiu no território que hoje faz parte do município de São Gonçalo, Rio de Janeiro; tendo chegado a Parauapebas há vários anos, sendo praticada no Centro de Cultura Afro Brasileira Forja de Ogum, local onde adeptos se reúnem para a realização de rezas, passes, banhos, defumações e curas.

A casa é administrada pelo Dirigente Espiritual André Luís da Silva Cavalcante, que já tem 21 anos na Umbanda, sendo de família com ampla história que já dura mais de meio século de tradição religiosa. “As pessoas vêm aqui para receber cura, libertação e orientação espiritual, esclarecimentos doutrinários. Assim, meu dever é cumprir com rigor as determinações dos mentores espirituais, tendo sempre em mente o uso do bom senso na prática da caridade”, explica André Luís, detalhando ser de sua responsabilidade a abertura dos trabalhos, a preparação do ambiente, realização de batizados, casamentos, confirmações, firmezas e cruzamentos, sendo ainda responsável por orientar seus comandados quanto a união e a participação de todos para o bom andamento dos trabalhos, ensinar ou solicitar à pessoa competente que ensine os novos médiuns sobre os procedimentos da casa.

André Luís concedeu entrevista ao Portal Pebinha de Açúcar com o objetivo de prestar esclarecimentos a respeito do que é a Umbanda e suas diferenças da Magia Negra e Macumba, após o caso ocorrido recentemente, em que um casal que um casal (Deyvyd Renato Oliveira Brito e Irislene da Silva Miranda), foi responsável pela morte de uma criança de apenas um ano e oito meses (Carla Emanelly), violentada sexualmente vindo a morrer. “A gente não caracteriza aquele elemento como sendo Pai de Santo, pois, dentro da cultura afro brasileira existem várias linhagens e etnias. Dentro da Umbanda Sagrada o qualificamos como um psicopata”, resume André Luís, detalhando que Deyvyd realizava trabalhos de magia negra e feitiçaria, coisa que ele garante não ser feito na Umbanda.

Na compreensão de André Luís, a magia negra é baseada na “derrubação” de pessoas com forças de espíritos inferiores com o objetivo de destruir o ser humano. André afirma ainda que na Umbanda não é permitido qualquer ação, trabalho ou comportamento para denegrir, machucar, matar ou qualquer outra coisa contrária ao bem dos semelhantes. “Não temos nenhuma ligação com aquelas pessoas, nossa Casa é íntegra bem como as pessoas que aqui trabalham”, afirma André Luís, se apresentando como profissional da área de educação, sendo professor de química em diversas escola públicas e particulares onde trabalha pela formação intelectual de inúmeras pessoas, além de da sua profissão tirar seu sustento.

Preso, “Boneco da Nike” tem novo mandado de prisão expedido pela Justiça

Na tarde de ontem (16), a Polícia Civil deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva expedido pela 2ª Vara Criminal de Parauapebas em desfavor de Willas Ramon Soares Souza, conhecido como “Boneco da Nike”.

A decretação da prisão se deu em razão do envolvimento de Willas na morte de Ítalo Rodrigues da Silva, que segundo as investigações, é membro da facção criminosa Comando Vermelho (CV), ocorrida no dia 29 de agosto de 2019.

Quando do crime, Ítalo estava na porta de sua residência, localizada na Rua Jorge Amado, Bairro Caetanópolis, e foi alvejado por três disparos de arma de fogo. A morte do membro do CV se deu em razão das rivalidades entre as facções e os tiros acertaram o rosto, ombro e a barriga do faccionado rival.

As investigações, comandadas pela Delegada Yanna Kalinne, da Divisão de Homicídios de Parauapebas, revelaram que “Boneco da Nike” seria o responsável pelos disparos da arma de fogo. Ele estaria como carona na motocicleta pilotada por Paulo Henrique da Silva Reis, preso pela Polícia Civil no último dia 13.

Além de Willas e Paulo Henrique, a Polícia Civil já havia dado cumprimento ao mandado de prisão contra Bruna Izaura Medeiros de Araújo, companheira de Willas e conhecida pelo vulgo de “Primeira Dama”, que teria participado de todo o planejamento para a execução.

Willas que é considerado pela polícia um dos líderes da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) no município de Parauapebas, tomou conhecimento desse novo mandado de prisão por meio da Superintendência Regional do Xingu nas dependências do presídio de Vitória do Xingu, onde já se encontrava preso pela prática de outros delitos.

Inep divulga as notas do Enem

Hoje (17), os quase 4 milhões de participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 poderão consultar os resultados das provas. Os estudantes terão acesso à nota da redação e à pontuação de cada uma das quatro áreas de conhecimento: linguagens, ciências humanas, ciências da natureza e matemática.

As notas estarão disponíveis na Página do Participante e no aplicativo do Enem. É preciso fazer o login com o CPF e a senha cadastrada. Quem esqueceu a senha, pode recuperá-la pelo próprio sistema. Saiba como recuperar a senha.

Agora os estudantes terão acesso apenas à nota que obtiveram na redação. O espelho da prova, que contém detalhes da correção dos textos, será divulgado em março, 60 dias após a divulgação do resultado individual. As notas não cabem recurso.

Os chamados treineiros, aqueles que fizeram o exame apenas para testar os conhecimentos, terão que esperar mais um pouco, as notas desses participantes serão divulgadas também em março. Esses candidatos não poderão usar o Enem para concorrer a vagas no ensino superior pelos programas federais.

Correção das provas

O exame é composto por quatro provas objetivas, totalizando 180 questões, e uma redação. As questões objetivas são corrigidas pela chamada Teoria de Resposta ao Item (TRI).

Pela TRI, não há um valor fixo para cada questão. A pontuação varia conforme o percentual de acertos e erros naquele item entre os participantes e também de acordo com o desempenho de cada estudante na prova.

Já a nota da redação varia de 0 a 1 mil. Cada redação é corrigida por duas pessoas, que dão notas de 0 a 200 para cada uma das cinco competências avaliadas no Enem. A nota final será a média aritmética das duas notas.

Caso haja uma diferença entre as notas de mais de 100 pontos na nota final ou de mais de 80 pontos em qualquer uma das competências, a redação passa por um terceiro avaliador.

Se a diferença entre as notas dadas se mantiver, a redação é avaliada por uma banca presencial composta por três professores, que definirá a nota final do participante.

As cinco competências avaliadas na redação do Enem são:

1: Demonstrar domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa.

2: Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo em prosa.

3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

5: Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Ensino superior

Com os resultados, os estudantes poderão concorrer a vagas no ensino superior público pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), a bolsas em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni), e participar do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

O primeiro processo que terá as inscrições abertas é o Sisu. Para participar é preciso fazer a inscrição online no período de 21 a 24 de janeiro. As inscrições para o ProUni poderão ser feitas de 28 a 31 de janeiro e, para o Fies, de 5 a 12 de fevereiro.

Além dos programas nacionais, os estudantes podem usar as notas para cursar o ensino superior em Portugal. O Inep tem convênio com mais de 40 instituições portuguesas.

Polícia Civil recupera parte de objetos furtados de residência no Cidade Jardim

Na tarde da última quinta-feira (16), a Polícia Civil, sob o comando do Delegado Felipe Freitas, realizou a recuperação de parte dos objetos subtraídos de uma residência do Bairro Cidade Jardim, em Parauapebas.

De acordo com informações repassadas à imprensa pela Polícia Civil. O ato criminoso foi registrado no último dia 10 e os objetos estavam sob a posse de Lenielson Marques da Silva. O inquérito instaurado também esclareceu a autoria do crime ocorrido que gerou um prejuízo aproximado de R$ 27 mil à vítima.

Segundo as investigações da Polícia Civil, no dia do crime, a vítima e sua família estavam viajando, quando foram surpreendidos com a notícia acerca do fato criminoso. Os ladrões reviraram todo o imóvel e urinaram no chão de vários compartimentos.

Além dos objetos que estavam no interior da residência, os ladrões também levaram um veículo Hyundai HB 20 que estava na garagem da casa, mas que terminou sendo abandonado momentos depois do crime.

Para a imprensa, a Polícia Civil revelou que Lenielson foi ouvido e liberado na data de ontem em virtude da ausência de flagrante, porém, confessou sua participação no crime.

Os policiais de plantão também identificaram o outro criminoso, trata-se de Matheus Brender Oliveira da Silva, que segundo a Polícia Civil, fugiu do município de Parauapebas.

Confira as ofertas de emprego para esta sexta-feira (17) em Parauapebas

São mais de 30 vagas ofertadas, entre elas, nos cargos de técnico em segurança do trabalho, técnico de planejamento, pedreiro, pintor e vendedor.

Para se candidatar às vagas, baixe em seu celular o aplicativo Sine Fácil ou se preferir, procure o Sine, que está localizado na rua 11, entre as ruas E e D – Cidade Nova. O horário de atendimento é de 8h às 14h.

É importante manter o cadastro atualizado no Sine. Para isso, basta acessar o portal: https://empregabrasil.mte.gov.br. Clique aqui e visualize as vagas.

Matrículas para a rede municipal de ensino seguem até o final de janeiro

As matrículas dos novos alunos da Rede Municipal de Ensino de Parauapebas iniciaram no dia 6 e seguem até o final de janeiro. Este ano, a rede municipal de ensino disponibilizou 6.831 vagas para novos alunos. São 2.443 na Educação Infantil e 3.938 no Fundamental nas zonas urbana e rural.

Para a matrícula de alunos do ensino fundamental são necessários os seguintes documentos: cópia da certidão de nascimento, RG e CPF do aluno; cópia do RG e CPF do Responsável, comprovante de residência, foto 3 x 4 e envelope, histórico escolar ou ressalva, cópia do cartão bolsa família (se tiver) e do cartão do SUS. Além desses documentos, os alunos da educação infantil devem levar a carteira de vacina.

O ano letivo inicia no dia 27 de janeiro para alunos da Educação Infantil e Fundamental. Já as crianças atendidas nas creches, o retorno às salas de aula será a partir do dia 3 de fevereiro.

Deixe seu comentário