Publicidade

Águia perde para o líder e se complica na Série C

O jogo era decisivo. Uma vitória poderia reacender as chances de uma reação e até aumentar as ambições da equipe na tabela, mas uma derrota tornaria a corda da degola, já bastante incômoda, ainda mais apertada e difícil de desatar. E o nervosismo mais uma vez atrapalhou.

O Águia de Marabá começou o jogo perdido em campo e reagiu tarde demais. Vitória do Fortaleza por 2 a 0, gols de Genílson e Robert.

Saraiva publicidade

Agora com 26 pontos, o Fortaleza chega a impressionantes 18 pontos de diferença do Águia, lanterna, e vê a classificação praticamente consolidade. Já ao Águia, resta lutar para, nas últimas seis rodadas, vencer pelo menos três partidas para escapar da degola.

O jogo começou embolado. Tentando equilibrar defesa e ataque, João Galvão escalou o time com três zagueiros e apenas um volante no meio-campo, o sempre eficiente Mael. A escolha ousada acabou abrindo espaços no setor e permitiram o domínio do Fortaleza nos primeiros 45 minutos. O gol surgiu num lance de bola parada. Corrêa cobrou falta para dentro da área e Genílson, aproveitando o cochilo da zaga do Azulão, fez 1 a 0, aos 19 do primeiro tempo.

Nos minutos finais, o time esboçou uma reação, com a saída de Leílson e entrada de Reinaldo, voltando a ocupar melhor o meio-campo mas, com a vantagem no placar, o Fortaleza passou a administrar o resultado. O Águia passou a se lançar cada vez mais ao ataque e aos poucos o desespero deixou o time exposto. Aos 43 do segundo tempo, Aleílson perdeu chance clara: ao receber dentro da área, driblou Genílson, mas isolou a bola. A resposta do Fortaleza foi fatal – aos 49, Robert recebe passe de Fernandinho e escolhe o canto para fazer 2 a 0.

Fonte: DOL

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu