Banner Educar


Fórum das Entidades Empresariais do Pará emite Nota de Protesto sobre renovação da concessão da Estrada de Ferro Carajás

Fórum das Entidades Empresariais do Pará emite Nota de Protesto sobre renovação da concessão da Estrada de Ferro Carajás
Foto: Reprodução

PROTESTO

“É com grande preocupação que o Fórum das Entidades Empresariais acompanha o desenrolar das negociações para a renovação do contrato de concessão da Estrada de Ferro Carajás (EFC) da Vale que deve acontecer até o final deste ano, e gerar um aporte de 25 bilhões de reais aos cofres públicos.
Diante do parecer do Conselho de PPI – Parcerias Públicas de Investimentos da Presidência da República, que determina que a renovação da concessão pelos próximos 30 anos, está diretamente atrelada à construção da Ferrovia de Integração do Centro Oeste (FICO) entre Mato Grosso e Goiás, todo o Pará deve ficar em alerta para mais essa injustiça que relega o Estado a mero provedor de matéria-prima para grandes projetos aqui instalados.
O risco do Pará não ser beneficiado com esse dinheiro é iminente e todo o setor produtivo será prejudicado. A retirada desses 25 bilhões para fora do Pará pode gerar uma reação em cadeia que inicia na falta de recursos para a construção de um sistema logístico imponente e funcional que nos permita competitividade econômica e maior desenvolvimento do nosso estado, até o atrofiamento dos empreendimentos locais, com redução de postos de trabalho e desgastes em setores transversais como alimentação, saúde e educação.
O Fórum das Entidades Empresariais entende que o momento é de coesão e se coloca ombro a ombro com empresários, políticos, profissionais liberais, imprensa e toda a sociedade, em uma união de forças para lutar para que a justiça prevaleça e que o Pará receba este recurso financeiro que nada mais é, do que um reconhecimento a tudo que este estado produz em benefício do desenvolvimento do nosso País”.

Fechar Menu
error: Reprodução proibida!