Publicidade

Jornalista se posiciona sobre o carnaval e é censurado em Canaã dos Carajás

Como foi noticiado AQUI no Portal Pebinha de Açúcar, o prefeito de Canaã dos Carajás, Jeová Andrade, apresentou um projeto para que o poder público não fizesse investimento financeiro no carnaval deste ano naquela cidade.

O assunto “bombou” nas redes sociais, onde muitas pessoas parabenizaram a atitude do prefeito, porém, várias outras o criticaram, como foi o caso do jornalista Jurandir Ferreira, apresentador do Programa Balanço Geral, exibido na TV Record de Canaã dos Carajás.


Confira o texto feito pelo jornalista e publicado em suas redes sociais:

“O POVO QUER CARNAVAL, EM CANAÃ DOS CARAJÁS!
Carnaval Solidário?
Assim está sendo tratada a ‘folia’ na bilionária Canaã dos Carajás-PA, que para o ano de 2019 foi anunciado à substituição das 04 (quatro) noites destinadas às festividades alusivas ao carnaval, supostamente por 2000 (duas mil) cestas básicas.
Estranhamente no mês em que a CEFEM ultrapassou os 22 milhões de reais a PMCC (Prefeitura Municipal de Canaã dos Carajás), anunciou que o município estaria passando por uma crise ao ponto de; serem obrigados a destinarem os recursos da tradicional “folia de momo”, em cestas básicas a população.
Vamos tratar com propriedade e expor alguns dados recentes, pois em 2017 não aconteceu o carnaval, pois o município passava por uma enorme crise, segundo as autoridades constituídas.
Porém em 2016 foram gastos exatos R$ 252.270,00 (duzentos e cinquenta e dois mil e duzentos e setenta reais) com o carnaval de rua, ainda em 2018 com atrações “pífias” os gastos foram superiores e não existia a “preocupação” com as questões sociais da população.
Vale salientar que os recursos do orçamento votados para 2019, existem o suficiente para tratar das questões pertinentes a “distribuição de cestas básicas”, saúde, educação, infraestrutura e outros, incluindo a CULTURA que detém valores consideráveis para se investir. Assim “cai por terra à infundada desculpa para não realização do evento”…

Somos sabedores que o comercio local veem amargando com a falta de movimentação, inclusive inúmeras empresas fecharam as portas no ano de 2018, eis que surge a oportunidade de movimentar a rede hoteleira, restaurantes, sorveterias, conveniências, lojas e também aquele momento em nossos ambulantes conseguem um ‘ganho extra’, aparece alguém do nada e se sabes de onde com a “ideia de barrar o carnaval”…
ESTRANHO! Será que somente agora descobriram que existem pessoas necessitadas, vivendo abaixo da linha da miséria?
ESTRANHO II: Será que a solução está em cancelar o Carnaval, ou seria algo tramado por “uma minoria privilegiada”?
ESTRANHO III: Será que a distribuição de 2000 cestas básicas no período carnavalesco, irá suprir a necessidade dos carentes pelo restante do ano?
Estranho IV: Será que com este “ato inusitado” teremos a solução para todos os problemas pertinentes nos demais setores do município?
São alguns dos inúmeros questionamentos que a maioria da população carrega consigo, porém ou talvez por falta de oportunidades, não consigam expressar e simplesmente o tempo vai passando e as respostas se perdem pelo caminho…
Para finalizar e deixar um recado simples e objetivo a quem teve este ideia de “jerico”, ainda existe tempo para rever e simplesmente “abortar esta infeliz atitude”…
No fundo o povo de Canaã dos Carajás merece um pouco de alegria, em meio aos contrates de bilhões de reais, onde a saúde não funciona bem com um sistema extremamente falido, ruas esburacadas e mal sinalizadas e dentre outros “pormenores”…
O povo precisa extravasar. CARNAVAL SIM!”.

Após a repercussão do texto feito pelo jornalista, ele voltou a se manifestar e se disse censurado pelo Governo Municipal:

“Em respeito aos telespectadores e internautas que prestigiam o; BALANÇO GERAL CANAÃ MANHÃ, exibido todos os dias das 6: 55 as 07h55min através da sua CANAÃ TV, Canal 12, Afiliada da RECORD TV Belém, venho publicamente esclarecer que; o programa está FORA DO AR por motivos alheios aos interesses da emissora.
Somos sabedores que o PODER PÚBLICO, em Canaã dos Carajás, Estado do Pará “manipula os meios de comunicação”, pois após a publicação de um ‘simples texto’ denominado: (O POVO QUER CARNAVAL, EM CANAÃ DOS CARAJÁS-PA), fazendo alusão a não realização do carnaval no município fui “barrado em levar as informações ao ar”, nesta terça feira, (23/01/2019).
Mantenho a coerência e a ética em levar um jornalismo com responsabilidade, imparcialidade e isenção a todos incondicionalmente, pois o “Poder emana do Povo”, sendo assim provisório e extremamente passageiro.
Prezando pela maior conceito da Democracia em se tratar da; liberdade de expressão reitero meus sinceros agradecimentos a todos, sendo que tão breve os ânimos se acalmem a vida volta a normalidade.
Sem censura!
JURANDIR FERREIRA (Balanço Geral Canaã Manhã)”.

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu