Publicidade
Parauapebas

Secretaria de Educação reúne diretores e alinha diretrizes para 2017

Os 63 gestores das escolas da rede municipal de ensino, diretores de departamento e coordenadores de setor da Secretaria Municipal de Educação (Semed) participaram no final da tarde desta segunda-feira (9) da primeira reunião de apresentação da equipe e de alinhamento para os trabalhos de 2017. O titular da Semed, Raimundo Neto, e o secretário-adjunto, Antonino Brito, recepcionaram a equipe, que foi apresentada pela diretora pedagógica Veronice Coelho, e lhe deram as boas-vindas.

Estão nas mãos dos diretores administrativos e dos gestores das escolas municipais tomadas de decisão que dizem respeito à vida de 47.800 estudantes da rede espalhados em unidades de educação infantil (20), escolas de ensino fundamental (32) e estabelecimentos educacionais situados na zona rural (11). A responsabilidade é grande.

Marcado por emoção, o encontro trouxe de volta nomes importantes da educação local que contribuíram sobremaneira para os bons indicadores deixados por Raimundo Neto em 2012, após ter sido secretário de Educação do prefeito Darci Lermen nos dois mandatos consecutivos anteriores. Aliás, a gestão de Darci entregou a educação quatro anos atrás com uma das menores taxas de analfabetismo do Pará e se tornou uma das mais premiadas da Amazônia.

RESPONSABILIDADE

De acordo com Antonino Brito, os gestores têm uma missão árdua, mas possível de encarar: cuidar e preparar o futuro dos filhos de Parauapebas. Ele teceu elogios ao secretário Raimundo Neto, destacando-o como “o melhor da história deste município” e observou que Neto é o único remanescente do secretariado de Darci no período entre 2005 e 2012.

“Raimundo Neto se destaca pela competência, e é isso que queremos de todos vocês, senhores gestores escolares: competência”, pediu Brito, ressaltando que a educação é a única saída para a crise econômica que tem assolado o Brasil nos quatro pontos cardeais.

Em sua fala, Raimundo Neto também lembrou aos gestores que este novo momento da educação que sua equipe vai enfrentar é mais delicado e complexo. A Semed de 2017 não é a mesma encontrada em 2005. E ele tem razão.

Os números mostram que, em 2005, da primeira vez em que assumiu a Semed, Neto e seus gestores tinham 26.700 alunos na rede; agora, 12 anos depois, eles têm um batalhão de alunos 80% superior. Mesmo quando encerrou sua missão na Semed em 2012, Neto e seus diretores gerenciavam cinco mil alunos a menos na rede em relação ao cenário atual.

Ele diz estar alegre em reencontrar uma parte da equipe de sucesso do passado, mas triste por encontrar a educação nas condições atuais, com muita desordem em várias áreas primordiais, como no transporte escolar, no qual 40% da frota de 104 ônibus adquiridos pela gestão passada estão em condições precárias de circulação, o que compromete a vida de pelo menos 5.000 estudantes que dependem do serviço.

“Em nome do prefeito Darci, temos uma árdua missão, meus colegas professores, de mudar a cara da educação para melhor. Uma missão de resgatar a educação deste município e fazer dela a referência de que jamais deveria ter se afastado”, destacou o secretário, pedindo aos gestores que recebam e atendam bem a comunidade porque as escolas existem para ser local de acolhimento de portas abertas, não de isolamento igual a um presídio.

Pebinha de Açúcar Comunicação & Marketing LTDA-ME
CNPJ: 05.200.883.0001-05 Parauapebas-Pará-Brasil
(94) 3356-0260 | (94) 981342558

Todos os direitos reservados © 2017 Pebinha de Açúcar Comunicação & Marketing Ltda-ME
Desenvolvimento Web: Agência Maktub

To Top