Publicidade

Secretaria de Saúde abre sindicância para apurar atendimento na UPA

Após grande repercussão de vídeos, onde uma mãe denunciou o atendimento prestado por um médico da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Bairro Cidade Jardim, em Parauapebas no final de semana, na manhã desta segunda-feira (25) a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), através da Portaria 370, instaurou processo administrativo de sindicância para apurar as possíveis irregularidades e fatos da denúncia postada nas redes sociais.

Ainda no sábado (23), o prefeito de Parauapebas, Darci José Lermen (MDB), se manifestou através de vídeo e disse que iria apurar denúncia de péssimo atendimento na UPA do Cidade Jardim, por sua vez, o Sindicato dos Médicos do Pará (Sindmep) se manifestou através de nota e repudiou ação do prefeito.


José das Dores Couto, titular da Secretaria Municipal de Saúde de Parauapebas, nos usos das atribuições que lhe foram delegadas pelo chefe do poder executivo nos termos do decreto 1.948, de 18 de setembro de 2017, resolveu instaurar processo de sindicância e designou os seguintes servidores para integrarem a comissão sindicante: Ana Paula Pacheco Lamego (presidente); Allan Kardec Lima Brandão (membro) e Alípio Silva Matias (membro). A portaria entrou em vigor nesta segunda-feira (25).

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu