Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

SINSEPPAR: Chapa 1 é eleita com mais de 92% dos votos

Na eleição que ocorreu nesta última quarta-feira (21/01/2015), no Auditório do Centro Administrativo da Prefeitura, para escolha da nova Diretoria do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Parauapebas-SINSEPPAR, para o quadriênio 2015/2018, a CHAPA 1 “RUMO CERTO” encabeçada pelo atual Presidente, Sr. Roberto Vieira, foi eleita com mais de 92% dos votos válidos.

Compareceram às urnas 566 (quinhentos e sessenta e seis) associados aptos a votar. Após a apuração a Chapa 1 foi declarada eleita com 520 (quinhentos e vinte) votos, contra 44 (quarenta e quatro) votos da Chapa 2, e 2 (dois) votos em branco.

02 - Chapa 1 foi Eleita com 520 votos

Apuração aconteceu logo após o encerramento da votação, e foi acompanhada pelas duas chapas concorrentes, juntamente com a Comissão Eleitoral, que divulgou o resultado uma hora depois.

De acordo com o presidente reeleito, Roberto Vieira, o objetivo é dar continuidade ao trabalho que vem sendo desenvolvido, sempre buscando melhorias nas condições de trabalho e qualidade de vida para o servidor e sua família.

A chapa vencedora é composta por: Roberto Vieira (presidente), Carlos Alessander (vice-presidente), Leidiana Braga (secretária geral), Marden Henriques (diretor financeiro), Valder Alves (diretor financeiro adjunto), Ivan de Sousa (diretor de patrimônio), Esmeralda Beatriz (diretor de assuntos jurídicos), Edson da Silva (diretor de comunicação), Edina Maria (diretor social), Manoel Silva (conselho fiscal), Francisco Gomes (conselho fiscal) e Antônio Fredson (conselho fiscal).

Parque Zoobotânico Vale é opção de lazer para famílias em Parauapebas

Quem passa pelas trilhas que circulam os recintos dos animais também pode se deparar com as espécies que vivem soltas, como uma família de antas e veados, além de ver pássaros de pequeno e grande portes sobrevoando as árvores.

Espaços para piqueniques também estão distribuídos pelo Parque. A utilização é livre. Lixeiras coloridas ajudam a ensinar às crianças, de forma lúdica, a importância da segregação de resíduos e manutenção da limpeza do local.

Atração especial

Os filhotes de onça-pintada, Thor e Pandora, que nasceram no Parque Zoobotânico Vale no ano passado, entraram numa nova fase, onde passaram a conviver com o pai. O processo de aproximação entre eles durou 5 meses e foi bem sucedido. Agora toda a família divide o mesmo recinto e sua rotina pode ser acompanhada pelos visitantes.

Os felinos entraram no oitavo mês de vida cheios de saúde e energia. A fêmea Pandora, apesar de ser a menor do grupo se destaca por ser a mais geniosa. Quando se irrita bota todos pra correr.

O recinto das onças passou a ser o mais visitado do Parque depois que os filhotes passaram a circular por lá.

O Parque Zoobotânico Vale

Inaugurado em março de 1985, o Parque está localizado no coração da Floresta Nacional de Carajás, Unidade de Conservação Federal preservada e fiscalizada pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), com o apoio da Vale. Dos 30 hectares que ocupa, apenas 30% foram utilizados para a construção de recintos e área de apoio. O Parque mantém atualmente um plantel de mais de 260 animais nativos da região amazônica. Entre as espécies existem algumas ameaçadas de extinção, como a onça-pintada, ararajuba, macaco-aranha-da-testa-branca e macaco cuxiú. O PZV contribui na conservação das espécies, servindo como estoque genético e formando profissionais especializados para trabalhar em benefício da conservação da fauna e flora amazônica.

O Parque Zoobotânico Vale é aberto à visitação pública todos os dias, das 9h às 15h30. A entrada é gratuita.

Jovem de Bom Jardim-MA que desapareceu em Canaã dos Carajás é encontrada e passa bem

De acordo com informações de familiares, a Jovem passa bem e retornou à Bom Jardim.

Addria foi encontrada numa região conhecida como Tabocal, porém não foi divulgado pela família como a jovem foi parar lá e o motivo da mesma não ter entrado em contato com a família por tanto tempo.

A mãe de Addria, de prenome França, ainda está comovida. “Todo mundo ainda está assustado, mas aliviados por ela estar bem”, declarou.

Relembre o caso clicando AQUI!

Reportagem: Bom Jardim MA
Foto: Arquivo pessoal

11ª Corrida de São Sebastião é realizada em Parauapebas

O evento que é realizado pela Prefeitura Municipal, através da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SEMEL), com apoio da Paróquia de São Sebastião, este ano contou pela primeira vez com o monitoramento através de chips que foram cedidos a todos os atletas.

O novo sistema, diga-se de passagem, deu uma “dor de cabeça” danada aos organizadores do evento que no momento da premiação tiveram dificuldades em divulgar os resultados.

A equipe de reportagem do Portal Pebinha de Açúcar está aguardando a confirmação dos vencedores, por parte da comissão organizadora, para depois divulgar os nomes em nosso site.

Veja as fotos de Israel Lira e Bariloche Silva – Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

OBS: Para ampliar a imagem, clique na foto!

Ações de combate a Hanseníase são intensificadas em Parauapebas

Com a proposta de diagnosticar precocemente a hanseníase, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) intensifica ações de combate à doença, no período de 26 a 30 de janeiro, semana que é comemorado o Dia Mundial de Luta Contra a Hanseníase. As ações serão realizadas em todas as unidades de saúde do município, inclusive na zona rural, no horário de 8h às 12h e das 14h às 18 horas.

Em 2014, a Semsa realizou a campanha de hanseníase nas escolas atendendo 10.500 crianças, com resultado de 9 casos diagnosticados e um pai que nunca tinha realizado o exame. “Essas ações são para identificar novos casos para que o paciente possa iniciar o tratamento imediatamente. O tratamento é gratuito e pode durar de seis a doze meses” esclarece.
A coordenadora esclarece ainda que hanseníase tem cura, é fácil de detectar e tratar. Porém, quando diagnosticada e tratada tardiamente pode trazer graves sequelas para os portadores, como lesões físicas.

A hanseníase é transmitida no contato de pessoa para pessoa. Os primeiros sintomas são manchas brancas e avermelhadas no corpo, dormência e falta de sensibilidade ao calor, frio ou toque. A doença causa deformidade na pele e nos nervos dos braços, mãos, pés, pernas, rosto, orelhas e olhos. O tempo entre o contágio e a manifestação dos sintomas demora em média de dois a cinco anos.

Reportagem: Liliane Diniz
Foto: Arquivo

Parauapebas registra redução de 32% nos casos de dengue

“Em 2014 não tivemos nenhum óbito por dengue. A redução no número de casos reflete o trabalho da equipe desenvolvido durante todo o ano”, destaca Marcelo Monteiro.

Em 2013 foram 757 casos confirmados. Já em 2014 o número caiu para 510. Essa diminuição mostra maior eficiência no trabalho de combate ao mosquito Aedes Aegypti, o mesmo mosquito transmissor da febre chikungunya. “O mosquito transmite as duas doenças e as ações de prevenção também são as mesmas. A população precisa ficar em alerta, principalmente neste período de chuva”, lembra o diretor.

Para que o município possa reduzir ainda mais os casos de Dengue em 2015, a Semsa está intensificando as ações com mutirões nos locais com maior incidência do mosquito, que, de acordo com o relatório do Departamento de Vigilância em Saúde, são: Bairros Altamira, Casas Populares II, Liberdade I e II, Betânia. Além dos mutirões realizados aos sábados, durante a semana o serviço é intensificado com o fumacê e visita dos agentes de endemias nas residências.

A população também precisa tomar alguns cuidados básicos, conforme as recomendações dos Agentes de Endemias: o lixo deve ser colocado em sacos plásticos e as lixeiras devem ser bem fechadas, além de não serem deixados em terrenos baldios. Para evitar acúmulo de água, potes, copos, garrafas vazias e pneus não devem ser deixados expostos a céu aberto. Quanto aos cuidados com as plantas, a recomendação é encher de areia o prato que cerca o vaso. A limpeza da caixa d’água deve ser realizada a cada seis meses.

Reportagem: Liliane Diniz
Fotos: Irisvelton Silva

Pelo menos 5 mil vagas em estágio serão abertas em 2015 no Pará

Em 2014 foram mais de duas mil oportunidades. Estima-se para 2015 um número superior a 5 mil vagas de estágio nessas e outras áreas.

“Acreditamos em crescimento, em oferta de vagas para estágio ao curso de engenharia civil e por tabela, arquitetura, técnico em segurança do trabalho. Devido ao incentivo à educação, por parte do governo federal com os programas de financiamento educacional, as vagas de estágio para pedagogia também têm grande probabilidade de aumento. Ainda há a preocupação da sociedade em geral com a saúde e bem-estar, por isso a oferta de vagas aos estudantes de educação física tendem a aumentar, pois as empresas estão investindo em ginástica laboral, promovendo qualidade de vida e diminuindo gastos com doenças e afastamentos’’, diz Vanessa Anjos, coordenadora de estágio do IEL.

É pelo estágio que as empresas moldam o profissional. Por não ter experiências, as instituições buscam aqueles com cursos a mais no currículo.

“O conhecimento de informática básica é preciso ter. Não pode faltar. Se tiver uma graduação e não tiver algum outro curso, os outros estão passando na frente. O estudante também tem que estar disponível à novidade. A mudança é brusca. Tem que ser pontual, proativo. Tem que estar aberto a sugestões. Também pode dar sugestões, mas tem que ser com calma. Precisa ser primeiro conduzido pela empresa’’, esclarece Vanessa.

Os contratos de estágio são renovados a cada seis meses e podem ser prorrogados por no máximo dois anos. Para que o estudante conclua a graduação ou curso técnico e receba o diploma, um dos requisitos é apresentar na instituição de ensino os documentos e a avaliação final da chefia, que o orientou durante todo o período de estágio.

Há situações em que o estagiário não tem o contrato renovado por não ter um bom desempenho dentro da empresa. “Só acontece de ser desligado se ele não corresponder ao que a empresa esperava, como não estar sendo pontual. Ele é o tempo todo avaliado’’, enfatiza.

NOVA ROTINA

O estudante do curso de direito, Luan Rosa, 24 anos, estagia há quatro meses na 3ª Vara do Tribunal do Júri do Ministério Público do Estado(MPE). Luan conta que precisou mudar algumas rotinas diárias para se adaptar. “Eu estudo de 8h às 12h e vou para o estágio das 14h às 18h. Meus horários mudaram. A gente aprende a falar da maneira correta, a entender os tramites processuais’’, diz.

Desde o terceiro semestre do curso, Luan foi proativo e correu atrás da primeira experiência na carreira. Trabalhou voluntariamente no Ministério Público de Marituba. Com o bom desempenho, meses depois foi chamado para o estágio remunerado atual. “Mesmo sendo estágio voluntário, eu procurei me comportar como se fosse vinculado. Eu seguia um itinerário’’, enfatiza.

O estudante destaca a importância de o aluno procurar uma experiência logo no início do curso. “Todos nós ficamos muito na teoria, que é o que o curso passa. Quando eu comecei a estagiar, a princípio eu só iria ajudar na distribuição dos processos. E lá me motivei a outras coisas. Cada mais tempo que eu passo na universidade coloco esses conhecimentos teóricos em prática. É isso que da experiência profissional’’, frisa.

Reportagem: DOL
Foto: Arquivo

Ultrapassagem irregular pode ter sido a principal causa de acidente na PA-275 que matou duas pessoas

Mais uma vez a imprudência voltou a fazer vítimas fatais em Parauapebas. Desta vez um trágico acidente envolvendo um carro pequeno, modelo pick-up strada e dois caminhões na Rodovia PA-275, tirou a vida de duas pessoas. Tratam-se de Elias Gonçalves de 52 anos de idade e Antônio Batista de 33 anos.

O acidente ocorreu na manhã desta terça-feira (20)  próximo da Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), entrada da cidade na PA-275, no trecho entre as cidades de Parauapebas e Curionópolis.

Homens da Polícia Rodoviária Estadual foram acionados para prestarem serviços no local do acidente e de acordo com informações repassadas à imprensa, o motorista do carro pequeno teria feito uma ultrapassagem proibida e acabou provocando a colisão entre uma carreta e um caminhão que transportava tijolos.

O motorista do caminhão que carregava tijolos e o ajudante dele morreram na hora. O motorista do carro, é um médico Cubano de prenome Júlio, que presta serviços em Parauapebas e também em Curionópolis, ele foi detido e liberado em seguida, porém, na tarde desta quarta-feira (21) prestará novo depoimento ao Delegado Nelson Alves Júnior, na Superintendência de Polícia Civil de Parauapebas.

De acordo com informações do Sargento Edimilson Felix, da Polícia Rodoviária Estadual do Pará, o médico disse que estava com pressa para começar o plantão dele num hospital em Curionópolis.

Os corpos das vítimas foram encaminhados para o Instituto Médico Legal de Parauapebas. E as outras duas pessoas que foram encaminhadas ao Hospital, continuam internadas em observação.

Congestionamento quilométrico

Com o acidente, dois dos três veículos envolvidos acabaram ficando atravessados na PA-275, e com isso, formou-se um congestionamento quilométrico. Homens da Policia Rodoviária tiveram trabalho para organizar o trânsito, tendo em vista que a rodovia conta com um fluxo de veículos muito grande.

Reportagem e fotos: Bariloche Silva – Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Parauapebas: Homem comete suicídio e deixa carta pedindo aos políticos igualdade de direitos entre pobres e ricos

O feriado municipal do dia de São Sebastião, padroeiro do município de Parauapebas, ocorrido nesta terça-feira (20), foi marcado por um suicídio que chocou várias pessoas, principalmente populares que residem na “Área do Linhão”, ocupada por populares que não tem onde morar e acharam por lá uma oportunidade de construírem suas casas, mesmo que de forma irregular.

Um homem que tinha 24 anos de idade, era casado, morava na “invasão da área do Linhão” e com prenome de Rodrigo, cometeu suicídio e em forma de protesto contra políticos, deixou uma carta em sua casa. No conteúdo, o jovem pediu desculpas aos familiares, perdão à Deus e fez um apelo para que os políticos “pudessem ver o mal que eles fazem” e pediu mais igualdade entre ricos e podres.

Veja a carta deixada por Rodrigo, um jovem batalhador que trabalhava em uma empresa que vende materiais de construções em Parauapebas

IMG-20150121-WA0004
Carta deixada por Rodrigo

Os moradores da “Área do Linhão”, onde Rodrigo morava com sua esposa, desde o final de semana passada estão realizando uma série de reivindicações contra a mineradora Vale a Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Habitação (SEHAB), pedindo melhores condições de moradia, tendo em vista que eles terão que desocupar a área onde moram e alegam que não têm pra onde irem.

Reportagem: Bariloche Silva – Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Deixe seu comentário