Publicidade

Disque Denúncia adere ao dia d em combate ao mosquito Aedes Aegypti

No dia 10/02/2017 a Central do Disque Denúncia Sudeste do Pará recebeu a visita da Coordenação de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde em Marabá. O Disque Denúncia aderiu ao dia D de combate ao mosquito Aedes Aegypti em parceria com a Secretaria de Saúde.

O Disque Denúncia está a disposição da população para o recebimento de informações sobre locais com incidências a focos do mosquito Aedes Aegypti. Se próximo da sua residência tem fatores de risco, tais como, terreno abandonado com lixo acumulado, caixa d’água aberta, residências fechadas ou abandonadas que possuem objetos acumulativos de água parada nos quintais, que estão servindo de criadouros para a proliferação de larvas do mosquito transmissor da Dengue, Zika Vírus e Chikungunya, entre em contato com a nossa Central e ajude os órgãos responsáveis a combater o mosquito, que não pode ser mais forte que uma população inteira.


Como denunciar os focos do mosquito?

As denuncias podem ser feitas através dos números (94) 3312-3350/3346-2250 e pelo aplicativo Whatsapp (94) 98198-3350. Através do aplicativo Whatsapp, podemos receber fotos e a localização dos possíveis focos do mosquito. Com as informações repassadas pelos denunciantes o setor de análise e estatística da Central do Disque Denúncia, elabora relatórios e mapeamento, identificando e sinalizando os pontos mais críticos. Os relatórios são entregues aos setores responsáveis na Secretaria de Saúde na intenção de ajudar na maior rapidez no combate ao mosquito.

Todas as informações recebidas na Central serão repassadas de forma anônima e imediata a Secretaria Municipal de Saúde para as providências necessárias.

De acordo com as informações recebidas na Central Disque Denúncia Sudeste do Pará, em Marabá, podem-se verificar alguns focos de mosquito Aedes aegypti. Através das denúncias via telefone e Whatsapp, foram traçados os bairros e endereços de cada local.

As informações a seguir foram coletadas no período de Janeiro/2016 à Janeiro/2017, referentes ao município de Marabá.

Com base nessas informações, foram apurados os seguintes dados estatísticos.

BAIRROS MAIS DENUNCIADOS

A porcentagem dos bairros relacionados está de acordo com o Gráfico 1, sendo apresentado os cinco primeiros.

Gráfico 1 – Percentual dos cinco bairros que mais obtiveram denúncias de focos de dengue no período.

Os bairros restantes estão de acordo com a Tabela 2.

Tabela 2 – Restante dos bairros denunciados

NOVO HORIZONTE 5% JARDIM COELHÃO 2%
RESIDENCIAL TIRADENTES 5% KM 07 2%
VELHA MARABÁ 5% SAO FÉLIX I 2%
AMAPÁ 2% SÃO MIGUEL DA CONQUISTA 2%
INDEPENDÊNCIA 2%    

Fonte: Disque Denúncia Sudeste do Pará, 2017.

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu