Publicidade

Homem é executado a tiros quando retornava do trabalho em Parauapebas

O montador Waldeneão Reis Silva, 29 anos, natural de Buriti Bravo- MA, que residia no bairro Betânia em Parauapebas, perdeu a vida executado com três tiros, sendo dois na cabeça e uma no braço esquerdo. O crime aconteceu quando a vítima retornava do trabalho.

De acordo com informações repassadas à reportagem do Portal Pebinha de Açúcar, era por volta das 22h00min da última segunda-feira (17), na rua Jerusalém, entre as ruas São Lazaro e Melquisedeque, quando Waldeneão que também é conhecido por “Chaparral” caminhava pela rua rumo a sua residência, instante em que foi abordado por dois indivíduos em uma moto preta de modelo e placa não identificadas. Sem “contar conversa” os elementos abriram fogo na vítima.


O delegado civil Thiago Carneiro esteve no local e conversou com a reportagem. Nas informações preliminares levantadas pelo policial “Chaparral” era uma pessoa pacata e não tinha rixa com ninguém. “Vamos abrir inquérito para apurar o que pode ter levado a execução desse rapaz que era bastante conhecido aqui na área como uma boa pessoa”, ressaltou o delegado.

Reportagem e foto: Caetano Silva – Da Redação do Portal Pebinha de Açúcar

Compartilhe essa notícia

Tags

Veja também

Fechar Menu